5
fev

O desafio de satisfazer empregados

A Diretora Presidente da HappyHouse Brasil e autora de 7 livros sobre Endomarketing, Analisa de Medeiros Brum, nos cedeu um artigo sobre a satisfação dos funcionários nas empresas. Como ela é uma das maiores autoridades no assunto, sendo consultora de grandes empresas, vale a pena ler cada parágrafo abaixo:

“Segundo pesquisa da empresa de consultoria Towers Watson, realizada em novembro de 2012, 72% dos brasileiros estão insatisfeitos com a sua vida profissional, apesar de todo o esforço que as empresas estão fazendo no sentido de atrair, engajar e manter o seu público interno.

O problema é que as empresas estão tendo que conviver, hoje, com dois públicos distintos: a geração Y, que está chegando, e a X, que ainda não foi embora, o que gera um paradoxo de sentimentos e percepções por parte dos profissionais.

A geração X, embora também tenha se desenvolvido, é menos exigente, pois a etapa de vida que se encontra determina um nível maior de lealdade em relação à empresa. Mas a geração Y chegou cheia de expectativas e com muita pressa de fazer carreira e obter os resultados que, antes, as pessoas levavam anos para conseguir.

Para essa nova geração, que cresceu com acesso a muito mais informação, bens e serviços, um bom plano de benefícios e incentivos não é suficiente para que permaneçam na empresa e se engajem aos seus programas, projetos e processos. Para eles, isso é pouco.

A possibilidade de múltipla escolha e a falta de mão de obra especializada no mercado para funções administrativas e operacionais, tanto para pessoal de base quanto para lideranças, determina uma relação de total superficialidade com a empresa. Para trocar de emprego, basta que olhem para o mercado e imaginem encontrar, numa outra marca, algo que supere os seus anseios.

Diante desse cenário, qual o caminho que as empresas precisam adotar para ter um público interno mais satisfeito e feliz?

A resposta é simples, porém subjetiva. As pessoas desejam encontrar significado naquilo que fazem. E para isso, as empresas precisam se transformar em grandes causas.”

O Blog do Tio Flávio é publicado todas as terças-feiras, recebendo convidados diferentes para tratar dos mais diversos temas.

Veja também

Comentários